Aços Rápido



São assim designados devido à sua capacidade de usinar metais com velocidades de corte maiores do que as possíveis com aços ferramenta de baixa ou média liga. São aços de alta liga de tungstênio, molibdênio, cromo, vanádio e/ou cobalto.

A capacidade de corte de uma ferramenta de aço rápido permanece inalterada mesmo quando a temperatura do gume, por efeito do atrito provocado pelo trabalho de usinagem, atinge 500/600°C. Esta característica do aço rápido permite o uso das ferramentas durante períodos contínuos, relativamente longos, sem alterações dos ângulos de corte e é consequência de 3 propriedades básicas:
» Alta resistência ao revenimento: propriedade que permite ao aço rápido manter inalteradas sua estrutura e dureza mesmo depois de aquecido a 500/600°C;
» Elevada dureza a quente ou dureza ao rubro: propriedade do aço rápido de manter elevada resistência mecânica mesmo em temperaturas de 500/600°C;
» Alta resistência à abrasão: propriedade que retarda o desgaste do gume da ferramenta sob severas condições de trabalho.


As principais aplicações dos aços rápido são:
 » Brocas  » Cossinetes  » Facas rotativas
 » Fresas  » Rolos laminadores de roscas  » Dentes de serras bi-metálicas
 » Alargadores  » Pentes p/ laminação de roscas  » Escariadores
 » Mandris  » Serras circulares  » Estampos de corte
 » Machos  » Punções  » Pinos extratores